Mitos do Mercado imobiliário

Muitos são os mitos do mercado imobiliário e quem está pensando em investir nele tem que ter conhecimento desse assunto. Veremos aqui quais são esses mitos e por que você não deve cair neles.

Um dos mitos mais comuns diz respeito a vender imóvel sem intermediação de uma imobiliária. A partir do momento que você opta por negociar sozinho é necessário saber negociar para fechar um bom preço, e nem sempre à maioria sabe disso. As imobiliárias possuem ótimos corretores que podem melhor na hora de escolher um bom negócio.

Outro mito diz que todos os imóveis são iguais, e isso, logicamente, não é verdade. Um imóvel é feito para atender necessidades diferentes, então você tem que comprar conforme seus desejos e necessidades. Analisar os detalhes do imóvel que você pretende comprar é fundamental para que você fique feliz com sua aquisição.

Muitos dizem que vender bem é um dom e esse também é um grande mito. Na verdade vender bem é saber negociar, é estudar o cliente, o perfil que ele tem, e saber pechinchar, isso sim faz a diferença quando você vai fechar um negócio, e não um dom. qualquer pessoa pode vender, desde que ela se dedique a estudar esse mercado, consulte a imobiliaria urbs em Goiânia.

 

Como negociar o financiamento do imóvel

As imobiliárias brasileiras orientam seus clientes de como resolver o pagamento do financiamento de seu imóvel quando não se tem mais os mesmos rendimentos para continuar pagando o mesmo valor das parcelas. http://www.sferaimobiliaria.com.br/

Primeiramente, o cliente deve saber o que está previsto no seu contrato. O FGTS poderá ser usado para abater as parcelas desde que o financiamento não seja para compra de outra casa além da que já possui, por exemplo, você já possui uma casa e financia outra numa praia, o FGTS não poderá ser usado. O próximo caminho é a tentativa de negociação com o banco, se estiver previsto em contrato, pode-se aguardar que o imóvel seja levado a leilão para a quitação da dívida e devolução do saldo que por ventura tenha sido pago.

Se desfazer de um veículo para quitar o imóvel pode ser interessante se houver certeza que poderá retomar o pagamento das prestações, senão corre-se o risco de perder mais um bem.

A dica é sempre procurar a análise do contrato por um advogado especializado, ele poderá orientar qual será a melhor estratégia jurídica para resolver o caso.